Últimas

14 de março de 2017

Saiba identificar os sinais do processo de estafa


Você não se sente apenas cansado, mas sim esgotado a ponto de achar que não conseguirá mais dar conta de toda a pressão e sobrecarga que vem enfrentando, quer na família, na vida pessoal, na carreira ou nos negócios? Fique ligado porque você pode estar passando por um processo de estafa. 

De acordo com a doutora Ana Maria Rossi, presidente da International Stress Management Association, em reportagem ao portal Exame.com, a estafa, que também é conhecida como fadiga, é um desgaste do organismo que compromete o desempenho em diversas atividades rotineiras, sejam elas físicas ou intelectuais.


"É um sinal de que a pessoa está sem condições de lidar com o excesso de pressão e demandas do momento. A cobrança é superior à habilidade da pessoa de corresponder a ela."

A repetição dessa sobrecarga pode desencadear sintomas como dor de cabeça, ansiedade e uma série de doenças como hipertensão e fobias. E não adianta recorrer à automedicação ou mesmo "beber para esquecer" porque a saída mesmo é mudar o estilo de vida. Para tanto, é bom observar alguns sinais que a estafa emite antes que seja tarde:

1. Variação nos hábitos alimentares - a pessoa deixa de se alimentar com comida saudável e em menor quantidade e passa a consumir mais comida calórica, gordurosa e condimentada - além de elevar o consumo de sal, vilão da hipertensão e da retenção de líquidos - para compensar a falta de sabor ou mesmo se recompensar pela situação que está enfrentando. Isso se deve às alterações no apetite e até ao enfraquecimento do paladar. O efeito desta nova dieta são a mudança repentina de peso e distúrbios gastrointestinais, como azia, refluxo e prisão de ventre, por exemplo;

2. Variações no humor - a agressividade tende a aumentar e a pessoa chega a explodir por motivos banais, que acaba desencadeando conflitos desnecessários no ambiente de trabalho e em casa, levando a rompimentos;

3. Variações na produtividade - pessoas estafadas geram o chamado presenteísmo, que nada mais é do que estar fisicamente no trabalho, mas não conseguir produzir ou não o fazer a contento. Diante da própria ineficiência, que por si só gera ansiedade, a pessoa começa a procrastinar e não mais cumprir determinados prazos levando à queda na produtividade;

4. Variações na motivação - outro sinal que impacta diretamente na produtividade é a perda do prazer, da energia e da inspiração em executar tarefas e projetos que lhe foram conferidos. A pessoa fica depressiva, cansada e desanimada ao ponto de querer ir embora mesmo tendo acabado de chegar ao trabalho;

5. Variações no sono - a insônia pode ser sinal de que o excesso de trabalho foi com a pessoa para casa depois do expediente, principalmente se não consegue dormir pensando nas demandas e problemas que a esperam na manhã seguinte. Sem descansar fica impossível enfrentá-los, o que retroalimenta a "ciranda" da estafa; e

6. Variações na memória - antigamente a pessoa era conhecida por seu planejamento e pela "memória de elefante", mas ultimamente tem se esquecido de reuniões, almoços, prazos e até de aniversários. Sem falar no aumento de erros, muitas vezes grotescos, que começou a cometer. É sinal que de a capacidade de raciocínio dela está prejudicada devido ao esgotamento mental.




Renovação pela alimentação



Além de procurar ajuda médica e metodologias para aprender a despressurizar - que vão desde a prática de atividade física, de um hobby até a uma mudança radical, que pode ser inclusive na carreira -, você pode obter energia para o seu dia estafante por meio da alimentação.

Além da água, que devem ser consumidos 2 litros diariamente, os alimentos a seguir jamais deveriam estar fora do seu cardápio cotidiano:

1. Ovos: consumidos principalmente no café da manhã, são uma das melhores fontes de proteína que podem garantir energia e disposição ao longo do dia. Dê preferência às formas de preparo que são menos gordurosas e calóricas, como consumi-los cozidos;

2. Espinafre: ele é rico em nutrientes como o ferro, que é fundamental para auxiliar no transporte de oxigênio às células e, assim, produzir energia. Prepará-lo com ovos ou consumi-lo com eles é garantia de excelente carga de energia;

3. Frutas secas: além de gostosas e fáceis de encontrar e levar para todos os lugares, se consumidas com moderação no lanche pode te deixar ativo e bem disposto para realizar atividades diárias.

Portanto, olho aberto em como está a sua rotina. Se mesmo mudando seus hábitos, inclusive alimentares e físicos, nada resolver, talvez seja melhor repensar a sua vida pessoal e profissional. Lembre-se daquele ditado corporativo: "Nenhum CNPJ vale um AVC". #ficadica


Imagens: reprodução


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...