Últimas

20 de outubro de 2016

Dicas para evitar pelos encravados e foliculite


Muitos homens sofrem com a foliculite. Além de coçar, geralmente toda a área abaixo do queixo e pescoço, algumas vezes até as bochechas, é tomada pelo vermelhidão e por aquelas "bolinhas" repletas de inflamação devido aos pelos encravados. Além de anti-estética, é muito dolorida. Mas com alguns cuidados é possível prevenir o seu aparecimento. 


Antes do Barbear

  • Use sempre água quente ou morna porque ela abre os poros para uma melhor higienização da pele, amolece o pelo facilitando o trabalho da lâmina e evita que a pele sofra com o barbear;
  • Lave o rosto na água quente ou morna com sabonete líquido ou gel de limpeza anti-acne ou anti-oleosidade que contenha ácido salicílico (confira aqui algumas dicas de produtos) porque, além de controlar a oleosidade da pele, também age como anti-inflamatório;
  • Na sequência, após enxaguar o rosto na água quente ou morna, aproveite para esfoliar o rosto. Há no mercado produtos específicos para o rosto que também contém ácido salicílico. Essa ação retira células mortas (alimento ideal para as bactérias que irão inflamar o pelo encravado gerando a foliculite, até porque elas não permitem que o pelo saia) e ainda previne os problemas que podem ocorrer com o barbear. Retire-o também com água quente ou morna antes de aplicar o creme, espuma ou gel de barbear (saiba aqui qual produto é melhor para seu tipo de pele).


Durante o Barbear

  • Ao lavar a lâmina, opte por usar água quente ou morna para manter a temperatura da pele;
  • Raspe sempre os pelos no sentido em que eles nascem. Caso faça no sentido oposto, ao crescerem tenderão a penetrar por baixo da pele gerando o famigerado "pelo encravado".


Após o barbear

  • Lave bem o rosto com água fria. Este processo irá fechar os poros evitando que micro-organismos invadam a pele e gerem infecções;
  • Nada de usar colônia pós-barba que é rica em álcool, que resseca e arde na pele sensível ou ferida. Opte por um pós-barba em gel que funcione como calmante e cicatrizante;
  • Lave bem o aparelho e a lâmina de barbear. Se possível, deixe por alguns minutos imerso em água fervente para matar possíveis micro-organismos e evite usar lâminas velhas, que só machucam a pele.

Contudo, se mesmo acatando essas dicas seu caso não melhore, vale a pena consultar um dermatologista. O que não vale é ficar se machucando.




Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...