Últimas

14 de janeiro de 2016

Rede de hotéis mistura museu de arte com hospedagem


Imagine passar uma noite no museu literalmente, só que em vez de ser perseguido por uma ossada de Tiranossauro Rex é você quem pode "caçar" arte e cultura pelos corredores e galerias a qualquer dia e horário. Se você é um amante das artes como eu, bem-vindo aos 21c Museum Hotels, a rede de hospedagem mais cult que você já viu nos Estados Unidos e fora do eixo Miami-Orlando-Nova York, o preferido dos brasileiros.



Fundado em 2006 pelos colecionadores de arte e filantropos Steve Wilson e Laura Lee Brown, os hotéis combinam arte contemporânea provocadora com hospedagem de luxo instalados em edifícios históricos repaginados pela arquiteta nova-iorquina Deborah Berke. 



Esses prédios incluem museus que contam com coleção permanente de obras de arte, além de exposições temporárias, em que as peças são propositadamente anticonvencionais e exibidas de maneira anticonvencional. O mais bacana é que é aberto ao público e gratuito, ou seja, qualquer pessoa pode visitar as galerias gratuitamente a qualquer momento, mas são os hóspedes, é claro, quem têm o verdadeiro acesso 24 horas por dia, 7 dias por semana às exposições.



Porém, o desejo de Steve e Laura de que os hotéis cumpram a função de centro cultural da cidade manteve o horizonte deles limitado e longe de megalópoles como Nova York e Los Angeles. 



Os Quatro 21c


O primeiro 21c Museum Hotel foi fundado em Louisville, no Kentucky, e têm 91 quartos com diárias a partir de US$ 229. Cinco anos depois, o segundo foi inaugurado em Cincinnati com 156 quartos dentro do Metropole Hotel. O terceiro foi inaugurado em Bentonville, no Arkansas, perto do Crystal Bridges Museum of American Art.



Em março de 2015, o quarto hotel foi inaugurado em Durham, na Carolina do Norte, com 125 quartos em uma torre art déco de 17 andares e projetada pelos mesmos arquitetos que construíram o Empire State Building, em Nova York, com o qual o hotel se parece. 

De acordo com a Forbes Brasil, os quatro hotéis não se parecem uns com os outros, mas têm os mesmos detalhes luxuosos e o mesmo astral lúdico — desde chocolates gourmet nos travesseiros e patinhos de borracha nos chuveiros até estátuas de bandos de pinguins em cada estabelecimento, que são movidas constantemente pelos hóspedes e funcionários e viraram marca registrada da rede. A gastronomia de alto nível também é uma característica, com cardápios que estimulam os comensais a expandir o paladar para além da culinária local. 




Arte por todos os lados


As exposições estão espalhadas por todo o hotel, de acordo com a curadora principal da empresa, Alice Gray Stites, em que exposições temáticas costumam mostrar obras de artistas renomados, como Cindy Sherman, Kara Walker e Chuck Close, além de incluir peças impressionantes de pintores e escultores menos conhecidos.


"A arte está integrada a tudo que fazemos. Sabe, até o vão da escada que leva ao spa em Cincinnati é uma instalação de um artista. Descobri que em cada uma das nossas cidades há artistas jovens maravilhosos e nós trabalhamos com eles para exibirmos as obras ou para eles atuarem na nossa instalação, o que proporciona a oportunidade de ver belas obras de arte que talvez você não visse em outras cidades." 



Segundo a Forbes Brasil, está em exibição em Durham, no momento, uma coleção de pinturas, esculturas e fotos que exploram como a percepção humana pode ser influenciada; em Cincinnati, uma coleção de retratos da cultura pop em cores vivas, ao estilo de Andy Warhol; e, em Louis­ville, uma exposição que reflete sobre como os seres humanos interagem com o meio ambiente. Ela inclui uma pintura perturbadora — criada pelo artista de Louisville Grant Hayunga após visões embaladas por peiote — de algo que parece uma mulher com cabeça de cavalo se masturbando, manchada de sangue. A obra toda, naturalmente, é aberta à interpretação de cada um.




Os planos de Steve e Laura não se limitam aos quatro hotéis em operação. Dentro de um ano, são esperadas as inaugurações de mais dois hotéis 21c — em Lexington, no Kentucky, e em Oklahoma City. Até 2018, outros três, em Kansas City, Nashville e Indianápolis. 


Com informações da Forbes Brasil
Fotos: divulgação

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...