Últimas

11 de dezembro de 2015

Porsche piscodélico de Janis Joplin é vendido a US$ 1,76 mi


Um ícone de uma geração foi arrematado hoje, 11 de dezembro, num leilão em Nova York, Estados Unidos, que durou apenas cinco minutos. O famoso Porsche 356C com pintura psicodélica, que pertenceu a cantora de Janis Joplin, foi vendido por US$ 1,76 milhão (cerca de R$ 6,82 milhões na cotação de hoje) pela casa de leilões RM Sotheby’s.

O valor arrecadado foi muito acima das expectativas, já que o preço estimado era de US$ 600 mil. O anúncio da compra foi feito pelo Twitter da casa e representou o valor de venda mais alto de um modelo similar.



O leilão abriu com lance mínimo de US$ 300 mil diante de uma sala cheia e, em segundos, o valor já havia dobrado. Uma onda de aplausos irrompeu quando se chegou a um milhão de dólares e, novamente, quando atingida a marca de US$ 1,6 milhão. Em cinco minutos, o carro estava vendido pelo valor recorde, incluindo a comissão de compra.





O bólido da "Rainha do Rock'n'Roll" 


Pois é, a mulher que cantava Oh Lord, won't you buy me a Mercedes-Benz ("Oh Deus, não me compraria um Mercedes-Benz?", na tradução livre para o português), acabou seduzida pela criação automotiva austríaca.



Janis Joplin decidiu comprar um Porsche, modelo 356C 1600 Cabriolet de 1964, mas, como não gostava da cor branca, encomendou então uma pintura especial que acabou tornando o bólido único e especial, desejo de qualquer colecionador de carros.



Após a morte da Rainha do Rock'n'Roll, em 1970 por consequência de overdose, o Porsche foi herdado pela família dela, que o emprestou ao Salão da Fama do Rock, em Cleveland, Estados Unidos, onde o automóvel permaneceu exposto entre 1995 e o momento em que os parentes da artista decidiram vender o carro.


 

Com informações da Forbes Brasil e portais G1 e DN.pt
Imagens: reprodução /Twitter @rmsothebys e AFP

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...